quarta-feira, 4 de março de 2009

O que encontrei hoje

Vejam lá o que encontrei hoje
______________________________________________________
Desculpa, Natércia, que me intrometa para colar a tua foto ampliada, tanto quanto pode ser para não distorcer muito. Creio que agora já te podes aventurar a tentar dar nomes às caras. Aí vai a minha contribuição: a foto terá sido tirada por volta de 1955, quer pela estatura (idade) dos colegas, quer porque penso reconhecer uns quantos. Vejamos: Em pé, em cima do muro: segundo a contar da esquerda o “Chica” (Ervedosa, filho do Ervedosa redactor-chefe do jornal A Província de Angola e homem que sugeriu o IVS ao meu saudoso pai, tal como o pai o sugeriu ao pai do Prior); na mesma fila, agora a contar da esquerda, segundo o Carrasco Marques (o burro de força alentejano, meu protector em quanto puto), quarto o Parente Esteves (aquela era a posição clássica dele para a foto). Na segunda fila depois do muro, primeiro à direita o Pedro Verdugo (voz de tenor, doido por música clássica) e eu estarei encoberto ao seu lado, dado que na altura éramos inseparáveis, com o Jorge Nogueira (que trio!). Das meninas a terceira a contar da direita é a Marília (casou com o Amâncio, já falecido), ao lado direito dela parece a Laurinda... E a sétima talves a Cesaltina. Os putos sentados ou de joelhos, o quarto da esquerda parece o Joãozinho!
________________________________________________________
Nota: Fiz um acordo com a Rádio Condestável de troca de links. Enquanto não descobrir como se inserem links no blogue, agradeço que em todos os comentários copiem e colem a chamada para o site da Condestável. Espero resolver depressa.

3 comentários:

Sérgio Lopes disse...

Natércia, meti o naroz na tua foto, desculpa.

Natércia Martins disse...

Claro que sim Como é para melhorar,até te agradeço. Há coisas que eu não sei fazer.

Sérgio Lopes disse...

Natércia, pois, aas não fizeste nenhum esforço para identificar as caras. Vamos lá tenta.

Eu nem consegui identifcar-me a mim mesmo... E estou aí de certeza!